Site TRT 19ª Região - TJC 2018: Formação de Facilitadores ocorrerá nos dias 25 e 26 de abril

Notícias

Notícias

16/04/2018 - TJC 2018: Formação de Facilitadores ocorrerá nos dias 25 e 26 de abril

TJC 2018: Formação de Facilitadores ocorrerá nos dias 25 e 26 de abril

As atividades do programa Trabalho, Justiça e Cidadania 2018 serão iniciadas nos dias 25 e 26 de abril com a primeira etapa da Formação de Facilitadores. A capacitação ocorrerá no auditório da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho de Alagoas (TRT/AL) e será destinada aos profissionais da educação e servidores interessados em participar do projeto. Curso terá certificação de oito horas.

Dentre as vagas destinadas aos servidores, cinco são para o turno da manhã e cinco para o turno da tarde. Interessados deverão se inscrever na Secretaria da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 19ª Região (Amatra 19), que fica no 4º andar do prédio da Ejud.

O TJC é uma iniciativa da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) e busca promover a aproximação entre o Poder Judiciário e a sociedade, estabelecendo o diálogo dos magistrados com professores e alunos de escolas públicas. Em Maceió, o programa é executado pela Amatra que desenvolve, em paralelo, o projeto Educação em Valores, promovendo o conhecimento de valores que fundamentam a vivência dos direitos.

            Na primeira etapa da capacitação, os facilitadores vão participar de debates, oficinas e palestras com temas relacionados aos Direitos Humanos e a Ética de Comportamento. As palestras serão ministradas pela procuradora do Trabalho de Alagoas e membro do Fórum de Combate à Corrupção, Rosemeire Lobo; e pela coordenadora do curso de Direito da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Elaine Pimentel. A segunda parte da formação acontecerá nos dias 11 e 12 de julho.

            NOVIDADES - Dentre as novidades deste ano, está o número de escolas assistidas e a parceira com a Ufal. O TJC integrará um curso de extensão da Faculdade de Direito (FDA) e contará com a participação dos alunos, sob a coordenação do desembargador do Trabalho e professor João Leite de Arruda Alencar. “Esperamos que as parcerias formadas, dentre elas empresas e instituições, possam multiplicar as dimensões do Projeto, ampliando as possibilidades de ação. Esse ano são quatro escolas públicas a serem abrangidas, numa média de 300 alunos”, disse a coordenadora de ação social da Amatra, juíza do Trabalho Adriana Oliveira.

            Participam do projeto em 2018, as escolas municipais João XXIII, do Jacintinho; Profª Maria José Carrascosa, do Poço; Profº Cícero Dué, do Tabuleiro dos Martins; e Luiza Suruagy, do bairro do Ouro Preto.

    Fonte: Ascom Amatra XIX.
 

FaceBook
  © Versão V.1.11 - 11/04/2018