Portal TRT 19ª Região
Acessibilidade -
Portal TRT 19ª Região

Noticias Anteriores

MPM: Projeto Café com História debate o tema Festas Juninas e Gêneros Musicais

O Memorial Pontes de Miranda, espaço musicológico instalado no Tribunal Regional do Trabalho 19ª Região (TRT/AL), recebeu na última quarta-feira (21.06) o professor de sociologia da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Elder Patrick Maia Alves, quarto convidado para o evento Café com História do MPM de 2017.

      “História e dinâmica dos gêneros musicais dos festejos juninos” foi o tema escolhido para essa edição, e não por coincidência, pois nessa época do ano o Nordeste encontra-se em festa por conta do São João.

      O professor, que possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (2002), mestrado em Sociologia pela Universidade de Brasília (2004), doutorado em Sociologia pela Universidade de Brasília (2009) e pós-doutorado em sociologia pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP-UERJ, destacou que o São João é uma festa celebrada principalmente no Nordeste  brasileiro, onde assumiu traços populares ganhando destaque com suas tradições como as danças de quadrilhas, as comidas típicas a base de milho, o quentão, bebida muito consumida nessa época, e o forró. 

      Esta festividade foi trazida para o Brasil pelos portugueses, ainda durante o período colonial, época em que o Brasil foi colonizado e governado por Portugal. O professor Elder Maia discorreu sobre  a historiografia  musical brasileira, fazendo um passeio pelas origens e gêneros  musicais do Brasil nas décadas de 1920, 30, 40 e 50 . A partir daí fez uma narrativa única e emocionante sobre a vida e trajetória de Luiz Gonzaga , seus parceiros e sua trajetória musical no Rio de Janeiro até se tornar "O Rei do Baião".

      De quebra, ainda destacou a importância do  Rádio no Brasil dos anos 50,60,70 e 80, contando de forma genuína as  aventuras vividas pelos principais artistas que desfilaram pela Rádio Nacional.

      Completando sua brilhante exposição, o professor também destacou a importância econômica que passaram a ter algumas cidades que ficaram conhecidas nacionalmente ao proporcionarem festas milionárias para ao São João, como é o caso de Campina Grande , Caruaru e Nosso Senhor do Bonfim , destacando inclusive a disputa que existe entre elas, para saber qual oferece o melhor  São João do país.

      No final do evento, o trio de forrozeiros formado pelos servidores José Luiz de Almeida Júnior, da Ordenadoria de Despesa, Alexandre Ponciano Monteiro e Thiago Ribeiro (estagiário), da Secretaria de Administração, animou o ambiente cantando um repertório de músicas juninas. 

       


      

Avenida da Paz, 2076 - Centro/ Maceió - Alagoas - CEP: 57020-440
Tel: 0 xx (82) 2121-8299 - CNPJ: 35.734.318/0001-80
Horário de funcionamento: 7h30 às 15h30 - Atendimento ao público: 7h45 às 14h30, de segunda a sexta-feira, exceto nos feriados.

Atualizado em 23/08/2017