Portal TRT 19ª Região
Acessibilidade -
Portal TRT 19ª Região

Noticias Anteriores

TRT/AL disponibiliza resultado da correição ordinária realizada na 8ª VT de Maceió

No último dia 16 de maio, realizou-se a audiência pública de correição na 8ª Vara do Trabalho de Maceió. A sessão foi conduzida pela Vice-Presidente e Corregedora do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL), desembargadora Vanda Lustosa. 

      De acordo com o relatório correcional, o Índice de Processos Julgados - IPJ foi de 103,8%, praticamente igual ao da média da região, de 103,9%.  A taxa de conciliação, de 43,3%, foi a segunda melhor entre as Varas da capital  e ficou bem próxima da  média do Regional, que é de 44,7%.

      Contudo, a taxa de congestionamento de pauta, em torno de 39%, foi a segunda mais alta entre as Varas do Trabalho de Alagoas, o que contribuiu para elevar o índice de congestionamento na fase de conhecimento ao percentual de 53% - o mais dilatado da região. Na ocasião, foi determinada pela Corregedora a elaboração de um plano de ação para delimitar, quantificar e propor soluções para o problema.

      A correição também apontou que o percentual de prolação de sentenças líquidas da Vara foi de 44,1%, abaixo da média regional, que é de 70,3%.  O juiz do Trabalho Substituto, André Galindo, ponderou que este índice pode ser atribuído à grande rotatividade de juízes substitutos na Unidade e à dificuldade de se manter contato com o assistente de cálculos, fatores que, segundo ele, inviabilizaram um melhor desempenho neste item. 

       O prazo médio para prolação das decisões, coletado no sistema e-Gestão, foi  superior a um mês e quinze dias para o rito sumaríssimo, chegando a quase dois meses para o rito ordinário. Já a Taxa de Congestionamento na fase de execução, em 87%, superou em sete pontos percentuais a média da Região. Em relação ao  cumprimento das metas institucionais, constatou-se que a VT figurou na 18ª posição quanto ao Índice de Alcance de Metas (IAM), com apenas 28 pontos, situando-se abaixo do escore mínimo de 34 pontos preconizado pelo CSJT.

       Ao final dos trabalhos, a Corregedora solicitou o esforço de todos para a melhoria dos indicadores estatísticos da Vara, a despeito de todas as adversidades encontradas e comentou o desconforto gerado pelos sucessivos ataques políticos ao Poder Judiciário difundidos pelos veículos de comunicação. "Há que se ignorar o clima desfavorável que tem sido trazido à tona pelos políticos e pela mídia em relação ao Poder Judiciário e ao Serviço Público como um todo, não se permitindo que os fatos do mundo externo atinjam nossa casa e nosso trabalho, nos influenciando negativamente", observou.


      
      

 


      

Avenida da Paz, 2076 - Centro/ Maceió - Alagoas - CEP: 57020-440
Tel: 0 xx (82) 2121-8299 - CNPJ: 35.734.318/0001-80
Horário de funcionamento: 7h30 às 15h30 - Atendimento ao público: 7h45 às 14h30, de segunda a sexta-feira, exceto nos feriados.

Atualizado em 23/08/2017