Site TRT 19ª Região - Movimento Abril Verde realiza ato em  defesa da segurança e saúde do trabalhador

02/04/2018 - Movimento Abril Verde realiza ato em  defesa da segurança e saúde do trabalhador

Movimento Abril Verde realiza ato em  defesa da segurança e saúde do trabalhador

Centenas de cruzes fincadas na areia da praia de Pajuçara marcaram, na manhã desta segunda-feira (02.04), o início das atividades do Movimento Abril Verde em Alagoas. O ato simbólico teve a finalidade de informar e sensibilizar sobre a importância da prevenção de acidentes de trabalho. A exemplo do evento realizado em 2017, os organizadores utilizaram as cruzes para simbolizar todas as vítimas de acidente de trabalho no mundo.

Segundo dados do Anuário Estatístico da Previdência Social referente o ano de 2016, foram registrados 578.935 acidentes de trabalho no Brasil, sendo 68.838 na região Nordeste e 4.425 em Alagoas. Desse total, 12.502 foram casos de adoecimento relacionado ao trabalho registrados no país. No Nordeste foram 2.314 casos de adoecimento e em Alagoas, 91. 

O auditor-fiscal do Trabalho Alexandre Sabino, representante da Superintendência Regional do Trabalho (SRTb/AL) no ato, salientou que o Abril Verde faz parte de uma campanha mundial que envolve trabalhadores, empregadores, sindicatos e instituições públicas. "Todas essas instituições estão engajadas para combater esse mal, que, na verdade, é considerado uma epidemia", afirmou.

De acordo com Sabino, no Brasil ocorreram cerca de 2500 mortes por acidente de trabalho no ano de 2016. "No mesmo período ocorreram cerca de 800 mortes relativas à Zica, chikungunya e dengue e vimos grande divulgação do governo e da mídia como um todo. E, no mesmo ano, houve cerca de 2500 mortes em função de acidente de trabalho, mas tivemos pouca divulgação sobre a prevenção ao acidente do trabalho”, enfatiza.

O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho em Alagoas, Rafael Gazzaneo, também participou do ato. Segundo ele, há ainda muito grande de acidentes de trabalho no Brasil, e Alagoas não fica de fora dessas estatísticas. "A preocupação maior do Ministério Público é conscientizar. Fazer com que as pessoas se lembrem, discutam, debatam o problema e passem a ter um cuidado maior, respeitando as normas de saúde e segurança do trabalho”, afirmou.

O presidente do Sindicato dos Técnicos de Segurança do Trabalho no Estado de Alagoas (Sintestal), Harrisson David, destacou a realização de vários eventos em Maceió e em duas cidades do interior do Estado, todos alusivos à saúde e segurança no Trabalho. Nesta terça-feira (03.04), a Câmara Municipal de Maceió promove uma Sessão Solene em atenção ao “Abril Verde”. Proposta pelo vereador Chico Filho, o evento público terá início às 9h, no prédio-sede do Poder Legislativo, que fica na Praça Marechal Deodoro, 376, Centro.
“Essa é uma importante mobilização que envolve os mais diferentes atores da cadeia produtiva e que precisa de um amplo debate, afinal estamos falando da proteção de vidas e muitas vezes também das graves sequelas que são deixadas com os acidentes de trabalho”, disse o vereador Chico Filho.

Ao longo do mês, o Movimento Abril Verde também realizará o 4ª Seminário Abril Verde de Saúde e Segurança do Trabalho em Coruripe, Arapiraca e Coruripe, além da exposição fotográfica “Trabalhadores” no Maceió Shopping e do Plantão Saúde na Rua Fechada da Ponta Verde. As inscrições para os seminários de Arapiraca e Maceió são gratuitas e podem ser feitas pelo endereço http://eventos.trt19.jus.br ou nos sites das entidades parceiras.

Parceiros - O Movimento é resultado de uma parceria entre a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Alagoas (Ademi), Grupo Prevencionistas, Ministério Público do Trabalho (MPT), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Social da Industria (Sesi), Serviço Social do Comércio (Sesc), Sindicato da Indústria da Construção do Estado de Alagoas (Sinduscon), Sindicato dos Técnicos de Segurança do Trabalho no Estado de Alagoas (Sintestal), Superintendência Regional do Trabalho (SRTb/AL) e Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL). O Movimento ainda conta com o apoio da Usina Coruripe, Liga Acadêmica de Saúde do Trabalhador (Last) e Maceió Shopping.

CONFIRA AS IMAGENS NO FLICKR.